Ano 6 | Nr.65 | ago 2021

Old _1200x 600


Editorial

Voltar a viajar em Tempos Covid-19 

 

Em 30 janeiro de 2020 o SARS-CoV-2 foi declarado como uma emergência de saúde pública internacional. Apenas dois meses depois surgiram as primeiras restrições a viagens internacionais e o encerramento de fronteiras tornou-se na norma, levando a uma redução drástica no tráfego global de viajantes pelas várias diferentes vias. Atualmente, com a evolução pandémica, com a introdução da vacinação e testagem em massa (e respetivos certificados) tem-se assistido a uma progressiva diminuição das medidas restritivas às viagens internacionais.

Neste sentido, o Regulamento Sanitário Internacional (RSI), da responsabilidade da OMS, tem um papel imprescindível no controlo (dentro do possível) da disseminação da ameaça à saúde pública, idealmente sem interferências desnecessárias com o tráfego e o comércio internacionais. Com este regulamento procura-se reforçar a vigilância epidemiológica e o controlo das doenças transmissíveis com perigo de disseminação internacional, bem como instar os Estados-parte a adquirir, reforçar e manter as capacidades de resposta neste âmbito. A gestão do risco, nomeadamente ao nível da prevenção será outro pilar fundamental na estratégia a adotar nesta nova fase pandémica.

Deste modo, a consulta do viajante terá assim uma importância redobrada na implementação do emanado pela atualização do RSI aos novos tempos pandémicos. A gestão e mitigação do risco do viajante, a sua comunicação, a eventual redefinição de protocolos de vacinação bem como a utilização e aplicação de novas tecnologias online são temas que forçosamente terão que ser alvo de reflexão. De igual modo é necessário não descurar as doenças tradicionalmente associadas a viagens, negligenciando (em detrimento do SARS-CoV-2) o risco que representam para os viajantes. É pois necessário adaptar as nossas consultas à nova realidade do viajante internacional.

Em 8 de novembro próximo, em Aveiro, irá realizar-se o encontro “Voltar a viajar em tempos COVID-19” sob organização da Sociedade Portuguesa de Medicina do Viajante. Será um excelente momento para a reflexão e discussão não só destas novas questões e desafios como também das oportunidades que os tempos atuais nos colocam.

 

Nuno Rodrigues
Médico Unidade de Saúde Pública - ULSM, E.P.E.
Autoridade de Saúde de Matosinhos
Autoridade de Saúde Portuária - Leixões

 

 

                                                                  

 

Atualidades na Medicina do Viajante

De Janeiro a Agosto 2021 foram reportados 3842 casos suspeitos de meningite incluindo 189 mortos, o que representa uma letalidade de 0.5%. Dos caso 37 amostras de líquor foram estudados e em 7 casos positivos para Neisseria meningitidis e identificados como serogrupo W.

Foi publicado em Agosto na Lancet Infectious Diseases, um estudo de eficácia terapêutica multicêntrico, de braço único, aberto, em crianças entre os 6 e os 59 meses com monoinfeção por Plasmodium falciparum, realizado em três locais do Ruanda. Todos medicados com Artemeter-Lumefantrina em esquema clássico de 3 dias. Foram identificadas mutações Pfkelch13 R561H, em 13% (28 de 218) das crianças estudadas.

Este estudo vem confirmar as suspeitas de resistências parciais à Artemisinina na região Africana, nomeadamente no Ruanda alargando a um outro Continente, para além do Sueste Asiático, constituindo uma ameaça global mais temida por ser neste Continente a maior concentração de infeções por Plasmodium falciparum.

Embora a combinação Artemeter-Lumefantrina continuem eficazes, devemos manter as atenções na sua perda progressiva de eficácia e pensarmos em alternativas terapêuticas, se necessário.

 

 

  

 

 

PUBLICAÇÕES SELECCIONADAS

 

Cardona-Ospina JA, Arteaga-Livias K, Villamil-Gómez WE, et al. Dengue and COVID-19, overlapping epidemics? An analysis from Colombia. J Med Virol. 2021 Jan;93(1):522-527. doi: 10.1002/jmv.26194. Epub 2020 Jul 11. PMID: 32558962; PMCID: PMC7323437.

Sotomayor-Castillo C, Radford K, Li C, Nahidi S, et al. Air travel in a COVID-19 world: Commercial airline passengers' health concerns and attitudes towards infection prevention and disease control measures. Infect Dis Health. 2021 May;26(2):110-117. doi: 10.1016/j.idh.2020.11.002. Epub 2020 Nov 19. PMID: 33303405; PMCID: PMC7674115.

Bauer D, Farthofer A, Chromy D, et al. Recent outbreaks of severe hepatitis A virus infections in Vienna. Eur J Clin Microbiol Infect Dis. 2021 Feb;40(2):335-344. doi: 10.1007/s10096-020-04028-x. Epub 2020 Sep 17. PMID: 32940811; PMCID: PMC7817601.

Soentjens P, Croughs M. Simplified rabies pre-exposure prophylaxis in last-minute travellers. J Travel Med. 2021 Jan 6;28(1):taaa185. doi: 10.1093/jtm/taaa185. PMID: 33009803.^

Maier JD, Siegfried S, Gültekin N, et al. Efficacy and safety of tafenoquine for malaria chemoprophylaxis (1998-2020): A systematic review and meta-analysis. Travel Med Infect Dis. 2021 Jan-Feb;39:101908. doi: 10.1016/j.tmaid.2020.101908. Epub 2020 Nov 20. PMID: 33227500.

Uwimana A, Umulisa N, Venkatesan M, et al. Association of Plasmodium falciparum kelch13 R561H genotypes with delayed parasite clearance in Rwanda: an open-label, single-arm, multicentre, therapeutic efficacy study. Lancet Infect Dis. 2021. doi: 10.1016/S1473-3099(21)00142-0 

 

 

 

EVENTOS

4 e 5 novembro 2021 – II Congresso Nacional dos Médicos de Saúde Pública (ANMSP), Amarante, Portugal.

16 a 18 março 2022 -  8th Northern European Conference on Travel Medicine (NECTM8) Roterdão – Países Baixos

 

 

 


 

FICHA TÉCNICA

Edição 
Direção da SPMV

Corpos Diretivos da SPMV
Direção 
Prof. Doutora Cândida Abreu
Faculdade de Medicina da Universidade do Porto
Centro Hospitalar Universitário de São João, Porto
Presidente

Dr. Dinarte Nuno Viveiros
Unidade de Saúde Pública, Agrupamento de Centros de Saúde Pinhal Interior Norte
Centro de Vacinação Internacional, Coimbra
Vice-Presidente

Dr.ª Sandra Xará
Centro de Vacinação Internacional,
Centro Hospitalar Universitário do Porto
Secretária-Geral

Dr.ª Gabriela de Lacerda Saldanha
Unidade de Saúde Pública, Agrupamento de Centros de Saúde Tâmega I – Baixo Tâmega
Vogal Efetiva

Enf. André Silva
Centro de Vacinação Internacional, 
Centro Hospitalar Universitário do Porto
Vogal Efetivo e Tesoureiro

Dr.ª Gabriela Saldanha
Responsável de Conteúdos Editoriais

Mesa da Assembleia Geral 
Prof. Doutor Jorge Atouguia
Clínica de Medicina Tropical e do Viajante
Presidente

Prof.ª Doutora Cláudia Conceição
Instituto de Higiene e Medicina Tropical
Vice-Presidente

Dr. Rui Pombal
UCS – Cuidados Integrados de Saúde (Grupo TAP)
Secretário

 

 

Conselho Fiscal 
Prof. Doutor Saraiva da Cunha
Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra
Presidente

Prof.ª Doutora Filomena Martins Pereira
Instituto de Higiene e Medicina Tropical
Vice-Presidente

Dr. Luís Malheiro
Centro Hospitalar Vila Nova de Gaia/Espinho
Vogal

  

 

 












 

 

Supervisão e apoio Técnico Informático
Daniel Garrido

Old _1200x 600